We connect People

Opz Design

Design e conexão emocional

Publicado em 18 de abril de 2017 | Categorias: design estratégico;

Design e conexão emocional

Publicado em 18 de abril de 2017 | Categorias: design estratégico;

Como cliente, como você faz sua escolha por uma determinada marca?

Certamente, responderá que suas escolhas são baseadas na qualidade, na reputação da empresa e na confiança que a marca transmite. Nesse sentido, sua conexão a uma marca de confiança transcende a forma estética e funcional, ela também desperta emoções em você. Isso acontece porque os planos estratégicos da maior parte das empresas bem sucedidas são delineados tendo como base o design emocional no posicionamento da marca.

Há três níveis estruturais do design emocional – visceral, comportamental e reflexivo. Para entender esses níveis, pense na seguinte situação: O inverno chegou e você vai ao shopping comprar uma blusa.

Nível Visceral: O que importa é que a blusa seja bonita, mesmo que ela não te aqueça. Neste caso, a estética é o fator mais importante.

Nível Comportamental: A blusa pode até não ser tão bonita, desde que te aqueça. Isso porque, neste nível, prioriza-se a funcionalidade.

Nível Reflexivo: Não restam dúvidas, você compra uma blusa da Nike, porque você sempre se sente bem com roupas dessa marca.

O design emocional busca atender às necessidades do público-alvo de forma estratégica e inovadora, não é responsável somente pela estética do produto, mas também pela experiência positiva do usuário com a marca. Com uma boa estratégia de design, o valor da marca é construído e a experiência do cliente estende-se além da concepção física do produto. Veja o vídeo sobre a evolução da marca da Indusbello. 



DEIXE SEU COMENTÁRIO:


Voltar