Se quiser bem feito, faça sozinho! (ou não)

Após algumas publicações abordando a parte artística do trabalho do designer, hoje vamos falar um pouco sobre esta atividade como negócio.
Quando iniciamos qualquer pequeno empreendimento, até é possível que consigamos dar conta das atividades iniciais sozinhos, ou, no máximo, com auxílio de alguns sócios. Contudo, em quase todos os casos, à medida que a empresa cresce, é preciso começar a se preocupar em dividir o trabalho, e para isso, deve-se contar com parceiros de confiança, e que se alinhem ao seu método de trabalho.

Parece uma tarefa fácil, mas é mais difícil do que se imagina.
Falando especificadamente da nossa área:

O melhor, tem que ser melhor pra VOCÊ

Muitas vezes procuramos pela referência no segmento em que precisamos de uma força, mas nenhum título, diploma, ou matéria no jornal garante que haverá sinergia entre vocês. É preciso se certificar de que os parceiros, fornecedores ou colaboradores falem a sua língua, e caminhem no seu ritmo, e muitas vezes estas pessoas não estão expostas em uma vitrine.

imagens_blog_01

Certifique-se de que seu parceiro pode cumprir prazos

Pois é, contratempos acontecem, mas o compromisso com o cliente final é seu, diante de um atraso do fornecedor, ficará a imagem de que a sua empresa adiou o prazo, e não a dele. Mantenha uma boa comunicação, planeje os prazos junto a seus parceiros para que situações assim não interfiram na credibilidade com o cliente.

imagens_blog_02

Não fique alienado do processo

Não é porque aquela não é a sua especialidade que você pode ficar de fora. É essencial que você acompanhe e supervisione o projeto do começo ao fim, ainda nas partes que precisam ser terceirizadas, afinal, você é o idealizador. Acompanhe, confira, revise, esteja sempre ao lado dos seus parceiros!

imagens_blog_03

Na OPZ

Aqui contamos com parceiros de diversos segmentos! O fotógrafo Flávio Menoli e a equipe do Maquinótico nos dão suporte nos projetos que contam com fotografia, assim como a consultora de imagem, Monalisa Martins, cuida da parte de produção. O pessoal do Studio Diip toma conta da programação,  a Conceito Marcas e Patentes nos presta todo o auxílio jurídico na hora de registrar nomes e marcas, e por fim, a Omine Consultoria nos orienta quanto a alinhar o design às estratégias empresariais, inclusive, para o próprio estúdio!

Firmar parcerias é quase inevitável , demanda energia, mas traz muitas recompensas também! Somente desta forma você pode se concentrar e aplicar seus esforços nas atividades que são SUA especialidade, contando também com apoio de quem faz bem aquilo que você não sabe fazer. Isso, além do fato de que uma equipe multidisciplinar favorece a troca de ideias, fazendo com que o projeto atinja seu potencial máximo.

Já dizia o renomado publicitário Washington Olivetto, “É bem melhor ser coautor de coisas brilhantes do que autor solitário de coisas medíocres.”
Até a próxima!

Compartilhar
Este post foi publicado em Design estratégico, Identidade corporativa, Identidade Visual, Notícias do estúdio, Web Design e marcada com as tags: , , , , , , , .

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>